segunda-feira, 22 de fevereiro de 2016

Portal Cantar Mais


O Projeto Cantar Mais é uma iniciativa da Associação Portuguesa de Educação Musical (APEM) apoiado pelo Ministério da Educação/DGE e Fundação Calouste Gulbenkian.
Trata-se de uma plataforma digital de livre acesso www.cantarmais.pt onde se disponibiliza um repertório diversificado de canções com arranjos e orquestrações originais, preparadas para serem ouvidas e cantadas pelas crianças.

terça-feira, 15 de dezembro de 2015

- Lista Final Ordenada – Grupo 110 - Horário 25

LISTA DE CANDIDATOS ORDENADOS DE ACORDO COM O CRITÉRIO “GRADUAÇÃO PROFISSIONAL”



LISTA DE CANDIDATOS ORDENADOS DE ACORDO COM O CRITÉRIO

“GRADUAÇÃO PROFISSIONAL”


Nome da Escola :
Agrupamento de Escolas Álvaro Coutinho - o Magriço, Penedono
Nº Escola :
150095
Data final da candidatura :
2015-12-11
Nº Horário :
25
Grupo de Recrutamento:
110 - 1º Ciclo do Ensino Básico
Nº Horas:
6



Ordenação
Graduação Profissional
Nº Candidato
Nome
26,008
2210921945
Hélder Martinho Machado Martins
23,019
3579637231
Carla Alexandra Tavares da Rocha
20,677
4097895419
Vânia Isabel Morrão da Silva Alves
17,466
5602546375
Carla Fernanda Rosinha Simões
17,099
7545960858
Catarina Daniel Pereira
14,471
3601718979
Ana Maria Machado Coelho Cardoso
14
4256357025
António Manuel de Jesus Ferreira


Penedono, 15 de Dezembro de 2015
O Presidente do Júri
_________________________
(João António Loureiro Marques)

quinta-feira, 10 de dezembro de 2015

Resultados escolares de Penedono nos Exames Nacionais / Provas Finais ~ "Jornal do Centro"

“Só um concelho do norte do distrito de Viseu é que surge com um valor médio superior à média nacional das notas registadas nos exames nacionais do 9.º ano de escolaridade (...)”.
Na sequência da reportagem do jornal “Expresso” que aqui divulgámos, também o “Jornal do Centro”, na sua penúltima edição (27.11.15), refere que Penedono “é apontado como uma exceção porque sendo um pequeno concelho do interior, com um índice socioeconómico baixo, os alunos apresentam uma média nos exames do 9.º ano superior à nacional e acima do estimado”, de acordo com os dados publicados no “Atlas da Educação”, relativos aos anos de 2009-2014.
Abaixo, o artigo do jornal.


quinta-feira, 3 de dezembro de 2015

DIA INTERNACIONAL DAS PESSOAS COM DEFICIÊNCIA – DIVULGAÇÃO DO PROGRAMA DE APOIO A PESSOAS COM DEFICIÊNCIA





Hoje celebra-se o “Dia Internacional das Pessoas com Deficiência” que tem como principal objetivo a motivação para uma maior compreensão dos assuntos relativos à deficiência e a mobilização para a defesa da dignidade, dos direitos e do bem-estar destas pessoas.

No sentido de prestar uma resposta mais personalizada e adaptada aos problemas concretos da população considerada mais vulnerável, a Guarda Nacional Republicana implementou o “Programa de Apoio a Pessoas com Deficiência” (PAPcD), visando a promoção dos direitos e garantias de condições de vida dignas às pessoas com deficiência, procurando envolver, de forma proativa, a comunidade para atender, compreender, respeitar as necessidades e diferenças de cada um, permitindo a igualdade de oportunidades, e para a prevenção de situações de negligência, violência e maus-tratos a estas pessoas.

O PAPcD é direcionado para as pessoas com deficiência, para os seus cuidadores e para as pessoas que com elas interagem, pretendendo ser uma plataforma de articulação e de entendimento com os restantes atores sociais responsáveis, ligados à área da deficiência, na promoção da segurança nas comunidades e tem como objetivo principal contribuir para a sua segurança e sentimento de segurança, nos vários subsistemas em que estão inseridas, contribuindo, assim, para uma melhor qualidade de vida desta população.

Este programa de policiamento de proximidade é levado a cabo pelos Comandos Territoriais (com especial intervenção das Secções de Programas Especiais) e consubstancia-se na:
·         Sinalização de pessoas portadoras de deficiência que por motivos diversos permanecem grande parte do dia sozinhos e/ou isolados nas suas residências sem apoios/cuidados continuados, e que pela sua dependência poderão ser considerados vulneráveis e alvo de ilícitos criminais;
·         Sensibilização deste público-alvo para procedimentos de segurança para evitar eventuais ilícitos criminais, como sejam o furto e roubo;
·         Sensibilização e formação das entidades locais da ZA da Guarda para uma cultura de prevenção de situações de negligência, abuso, violência e maus-tratos contra pessoas com deficiência;
·         Promoção de cooperação interinstitucional entre a Guarda e as entidades suas parceiras locais na área da deficiência, reabilitação, mobilidade e promoção da segurança;
·         Contribuição para uma melhoria no atendimento, acolhimento e encaminhamento das pessoas com deficiência pela Guarda;
·         Sensibilização das crianças e jovens, no âmbito das ações de sensibilização desenvolvidas no pelos Núcleos Escola Segura, para as questões da igualdade de oportunidades e não-discriminação das pessoas com deficiência;
·         Sensibilização da população em geral,  no âmbito da prevenção rodoviária, para  o respeito das regras de trânsito que afetam a mobilidade das pessoas com deficiência; e
·         Realização de parcerias com entidades com responsabilidades nestas matérias, nomeadamente a Federação Nacional de Cooperativas de Solidariedade Social (FENACERCI).

Neste sentido, remete-se em anexo um folheto digital que ilustra o PAPcD, tendo for finalidade dar a conhecer o referido programa e solicitar a colaboração dessa instituição para se aliar à Guarda neste dia, efetuando a divulgação do mesmo.

O folheto digital poderá ser impresso, divulgado por correio eletrónico ou adicionado na página de internet da instituição.

Atenciosamente,
O Comando da Guarda Nacional Republicana

Fábio Emanuel Silva Gonçalves Lamelas
Capitão de Infantaria

segunda-feira, 16 de novembro de 2015

O agrupamento adere à iniciativa "Literacia 3D"

"LITERACIA 3D é uma iniciativa da responsabilidade da Porto Editora que consiste num desafio nacional dirigido aos alunos dos 2.º e 3.º ciclos do Ensino Básico de todo o país, envolvendo os respetivos professores e estabelecimentos de ensino, com o propósito de avaliarem as suas competências em três dimensões do saber: leitura (5.º ANO), matemática (7.º ANO) e ciência (8.º ANO).
Este desafio pelo conhecimento decorre durante o ano letivo em três fases – local, distrital e nacional –, com base em provas interativas disponibilizadas através da plataforma online Escola Virtual."
A prova do ano passado pode ser consultada aqui para treino. 

segunda-feira, 2 de novembro de 2015

MÉDIAS NAS PROVAS NACIONAIS (período 2009-2014)

A última edição do jornal "Expresso" apresenta-nos os dados que a equipa responsável pelo "Atlas da Educação" reuniu sobre os resultados nas Provas Finais do 9.º ano / Exames Nacionais do 12.º ano (tendência registada no período 2009-2014).
Os mapas mostram o desempenho de cada concelho face à média do país e o sentido da progressão ao longo desses seis anos. As cores azuis marcam a progressão positiva ("Sofrível" a azul claro e "Bom" a azul escuro); os tons castanhos representam resultados menos positivos / negativos ("Em risco", o tom mais claro; "Mau", o tom mais escuro).
O concelho de Penedono aparece com a menção de "Bom" (azul escuro) e destacado da seguinte forma:
"(...) existem diferenças assinaláveis entre municípios que são vizinhos e que partilham características semelhantes. Uns conseguem contrariar os obstáculos; outros não. Perceber o porquê e como é que as escolas podem fazer a diferença é a próxima etapa deste projeto.
Veja-se o caso de Penedono, um pequeno concelho do Douro, com um índice socioeconómico baixo, mas cujos alunos apresentam uma média nos exames do 9º superior à nacional e acima do estimado — tem um dos maiores desvios no país entre as notas registadas e as estimadas."

quinta-feira, 15 de outubro de 2015

CONTRATAÇÃO DE TÉCNICOS ESPECIALIZADOS – Psicólogo - Lista de Ordenação Final dos Candidatos

CONTRATAÇÃO DE TÉCNICOS ESPECIALIZADOS – Psicólogo

Lista de Ordenação Final dos Candidatos

Nº Candidato
Nome
Avaliação Curricular
30%
Entrevista
35%
Experiência Profissional
35%
Classificação Final
(0 a 20)
Ordenação Final
8755321941
Andreia Costa Cancela
15,333
19,857
10,000
15,050
4021001328
Ana Maria Ferreira Carvalho Carreira
16,000
14,167
14,000
14,658
2043398296
Aida Idalina Araújo Rebelo




a)
6417739139
Ana Margarida Oliveira de Almeida




a)
4010374268
Anabela da Conceição S. de Almeida




c)
2120278318
Ângela Patrícia Gomes Amaral




c)
8379344480
Bruno Ricardo Correia da Silva




c)
6537534607
Carla Alexandra Lopes Mendes




c)
7573128975
Célia Cristina Zumckeller Camargo Molla




b)
8587196596
Clara do Carmo V. de Carvalho Mesquita




a)
6064563192
Fabiana Cristina Salvador Vitorino




c)
9985181255
Filipa Bárbara F. Serpa Pinto Cordeiro




c)
7081693083
Margarida Maria Gil Leonardo




a)
8331476077
Maria João Andrade Ventura




a)
8541879119
Maria João Claro de Almeida




c)
6435522170
Maria João Gonçalves Lopes




c)
6535870022
Marina Isabel Matos Alecrim




a)
5731210306
Marisa da Silva Ferreira




c)
1565967062
Patrícia Susana dos S. V. Marques Bom




c)
2470580129
Paula Cristina loureiro Santos




b)
2908078767
Pedro Nuno de J. Bonfim Correia Laja




c)
5856428366
Rosália Maria da Rocha Coelho




c)
3677784522
Sandra Marisa Martins Cunha




a)
3642768628
Sandra Patrícia Gomes Mendes




c)
4138584498
Sara Ferreira da Silva Cibrão G. Cunha




c)
4009172630
Tânia Marisa Pereira da Cruz




a)
7097448725
Tiago Fernandes de Carvalho Figueiredo




c)
4043015054
Vera Lúcia Araújo de Almeida




a)
3600212591
Vera Lúcia da Cunha Lima e Sousa




a)

a) excluído(a) por não apresentar o portefólio
b) excluído(a) por entregar o portefólio fora do prazo
c) excluído(a) por não ter comparecido à entrevista


Penedono, 16 de outubro de 2015

O Presidente do Júri

                                                                             ___________________________                                                      
                                                                                 (João António Loureiro Marques)